João Queirós

BIOJoaoQueiros

Investigador

Porto, Portugal

Formação

Universidade do Porto (UP). Faculdade de Letras (FLUP). Doutoramento em Sociologia (em curso).

Universidade do Porto (UP). Faculdade de Letras (FLUP). Licenciatura em Sociologia.

Trabalho atual

Investigador. Instituto de Sociologia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto (ISFLUP).

Interesses

Políticas urbanas e habitacionais, transformações sociais e de classe, migrações, identidades, culturas urbanas, culturas populares, desenvolvimento local e regional.

Keep it Simple, Make it Fast!

RZA– Ghost Dog: The Way of the Samurai (OST) (1999) | Cypress Hill – Skull & Bones (2000) | Expeão – O fim de todas as estradas (2013)

Pertença KISMIF

Estudo das formas de expressão territorializada do movimento punk em Portugal.

Foco nas mobilizações sociais e políticas e modos de apropriação do espaço urbano protagonizados pelos agentes sociais associados ao movimento punk.

Linhas de Investigação KISMIF

Punk, significados e identidades.

Punk, cidade e novos movimentos sociais.

Publicações

QUEIRÓS, João (2013) – Precariedade habitacional, vida quotidiana e relação com o Estado no centro histórico do Porto na transição da ditadura para a democracia. Análise Social. Vol. XLVIII, n.º 206, p. 102-133. ISSN 0003-2573.

PEREIRA, Virgílio Borges; QUEIRÓS, João (2013) – Une maison pour le peuple portugais. Genèse et trajectoire d’un quartier du programme des «maisons économiques» à Porto (1938-1974). Politix. Vol. 26, n.º 101, p. 49-78. ISSN 0295-2319.

PEREIRA, Virgílio Borges; QUEIRÓS, João (2012) – Na Modesta Cidadezinha. Génese e estruturação de um bairro de casas económicas do Porto (Amial, 1938-2010). Porto: Edições Afrontamento. ISBN 9723612755.

QUEIRÓS, João (2012) – Dinâmicas recentes da relação das famílias com a escola em contextos urbanos material e simbolicamente depreciados: relato de uma aproximação, no terreno, ao ponto de vista dos professores”. Sensos. Vol. II, n.º 1, p. 59-78.

PEREIRA, Virgílio Borges; QUEIRÓS, João (2012) – State, housing and the «social question» in the city of Porto (1956-2006): an analysis on the making of doxa, orthodoxy and «alodoxia effects» in the (re)production of state housing policies. Social Sciences – Annual Trilingual Review of Social Research. N. º 1, p. 203-314.

Contatos

jqueiros@letras.up.pt

Site

http://isociologia.pt/investigacao.aspx?id=9#dMainContent

Share